Crypto

“DeFi é um problema”, diz presidente da SEC americana

Em um discurso proferido ao Comitê de Apropriações da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, Gary Gensler disse que a DeFi é um “problema”.

Gensler é o atual presidente da Comissão de Valores Mobiliários (SEC) americana.

DeFi significa finanças descentralizadas, e assim, não podem ser controladas pelo Governo, de certa forma.

Até por isso, de acordo com Gensler a indústria de criptomoedas apresenta vários riscos para os investidores e desafios para o regulador de valores mobiliários.

E continuou embasando a sua fala na DeFi dizendo que esta indústria pode criar novos desafios e riscos para os investidores.

Gensler apontou a volatilidade do mercado e novos produtos como exemplos de problemas semelhantes.

A fala da SEC é que “as plataformas de empréstimo de criptomoedas e os chamados aplicativos financeiros descentralizados representam uma série de desafios para os investidores e para os funcionários da SEC que tentam protegê-los”.

Trata-se este de mais um discurso dos reguladores que visam muito mais o controle do capital financeiro e de impostos do que propriamente os riscos aos investidores de criptoativos.

Não há anúncios, por exemplo, de cursos, informativos, campanhas de esclarecimento e entre outros para os investidores no intuito de esclarecer situações de risco em investimentos em criptoativos.

Tanto é fato que Gensler já disse ao mesmo Comitê de Serviços Financeiros da Câmara que “uma regulamentação mais forte das bolsas de criptomoedas poderia ajudar a proteger os investidores”.

Especificamente, o residente da SEC sugeriu que um regulador de mercado de criptomoeda dedicado deveria fornecer alguma proteção contra fraude e manipulação.

Inclusive a SEC utiliza dos argumentos de fraude e manipulação para rejeitar ETFs de Bitcoin.

O que a SEC quer é controlar o mercado sem rédeas que é o mercado cripto.

Por sinal, ele foi criado para ser assim, por isso não foi criado por nenhum Governo ou Órgão regulatório.

Gensler disse que “nenhuma das exchanges que negociam criptoativos” foi registrada SEC ainda. Isso resultou em um nível mais baixo de proteção ao investidor do que nos mercados de títulos tradicionais e, portanto, mais oportunidades de fraude e manipulação”.

Manipulação esta que levou o preço dos ativos criptográficos a uma queda maior que -50% nas últimas duas semanas.

Por isso a SEC está se armando e já anuncia uma ação de fiscalização mais rígida contra aqueles que atuam no mercado sem cumrir as normas americanas.

Atualmente a SEC já possui 75 processos contra empresas de criptoativos, e aparenta querer aumentar este número.

.

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos! Acesse: http://www.bitcointrade.com.br/




Source link

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar