Crypto

Glossário de Swap: como começar a fazer Swapping com confiança

Principais vantagens:

  • Swapping sua cripto é como trocar dólares por qualquer outra moeda e a única diferença é que você está usando criptomoeda.
  • No Ledger Live, você pode facilmente trocar (swap) seus hold de criptos atuais por outras criptomoedas por meio de nosso parceiro Changelly.
  • Ao trocar uma criptomoeda por outra você precisa conhecer as terminologias para evitar surpresas.

Quer saber tudo sobre como trocar? Temos nosso glossário de troca pronto para você.

Quer você chame de troca, exchange, swap, trade ou conversão, é basicamente a mesma coisa – trocar um criptoativo que você já possui por outro. Nosso parceiro de confiança, Changelly, garante que você não precise sair do Ledger Live para trocar de forma fácil e segura com a segurança de sua carteira de hardware.

A boa notícia é que não há FIAT envolvido! Ufa, cara… Isso facilita muito a troca e a diversificação do seu portfólio (Euhm .. impostos). E esses são apenas alguns dos motivos incríveis pelos quais você deseja trocar.

Mas, além de saber os “por que”, você pode estar se perguntando o que há com toda essa terminologia de Swap, como “Taxas Flutuantes”, “Slippage”, “Taxas de GAS”, “Atomic Swap”, “DeFi e DApps”.

Vamos colocar uma lupa neles e ver do que se trata.

Taxas flutuantes e fixas

Como mencionamos acima, Swap é como trocar seus dólares por qualquer outra moeda em uma casa de câmbio.

Como acontece com qualquer agência de câmbio, há um custo para essa negociação: você estará pagando uma comissão sobre o seu swap, que é determinada por uma taxa. Freqüentemente, você encontrará dois tipos de taxas:

Taxas fixas – a taxa de swap é fixa e não muda. Os usuários (você) sabem com antecedência o que vão receber de cada transação de troca.

Taxas flutuantes – a taxa de swap se correlaciona com o preço de mercado no momento da transação. Com taxas flutuantes, o resultado da transação depende do preço dos ativos no momento da validação.

Se você quiser se aprofundar e aprender mais sobre as taxas e que tipo de vantagens / desvantagens elas representam, você pode ler este artigo completo.

Slippage

A slippage é um fenômeno muito conhecido no mundo do trading, seja ele ações, títulos ou cripto. Uma slippage ocorre sempre que há uma diferença entre o preço esperado de uma negociação, como um swap, e o preço pelo qual a negociação realmente acontece.

Essa diferença ocorre porque o preço muda entre o momento da solicitação e o da execução.

Você mesmo pode ter adivinhado, mas também vamos dizer.

A slippage acontece com mais frequência em mercados voláteis, como é o caso das criptos.

No entanto, o risco de slippage é diferente de um ativo para outro e de uma plataforma de troca para outra.

Slippage às vezes é uma criança muito malcomportada, pois muitos operadores acabam perdendo muito dinheiro por causa disso.

É por isso que se manter informado e fazer sua própria pesquisa (DYOR) sobre o ativo e a plataforma é obrigatório antes de se envolver em qualquer negociação.

Taxas de GAS

Ah , o eternamente problemático mas essencial GAS FEE. A taxa do GAS é paga no blockchain Ethereum como uma “passagem” para usar sua habilidade computacional. Qualquer tipo de transação / ação executada no blockchain Ethereum, como enviar ETH para outros usuários, cunhar NFTs ou trocar tokens, está sujeito a esta taxa de GAS. Você só pode pagar a taxa em ETH, que é a moeda nativa da plataforma Ethereum.

A coisa mais importante que você precisa lembrar sobre a taxa do GAS é que você sempre precisa ter um pouco de ETH sobressalente em sua carteira para executar a transação. Ou isso, ou a taxa do GAS é deduzida do valor que você está negociando / enviando.

Você tem a liberdade de escolher o valor das taxas de rede que deseja pagar quando faz uma transação.

Porém, lembre-se de que o valor das taxas afetará a velocidade de processamento da transação – taxas mais baixas = tempos de transação maiores e, às vezes, você pode até encontrar a surpresa de uma transação com falha.

As taxas de GAS também podem variar, dependendo da situação da rede. Se houver congestionamento na rede, as taxas do GAS dispararão e se você definir o preço do GAS muito baixo ao fazer o pedido do swap, sua transação pode travar.

Token swap

Quando se trata de troca de token, há duas coisas muito diferentes envolvidas:

A simples troca entre dois tokens diferentes, em vez de criptomoeda, por meio de plataformas de troca onde ambos os tokens são suportados;
Migrar um token que é construído em cima de uma plataforma blockchain para um blockchain novo e diferente.

Algumas blockchains permitem que os usuários criem e iniciem seus próprios tokens além de seus protocolos. Os mais famosos e amplamente conhecidos do público são os tokens ERC20, que funcionam no topo da blockchain Ethereum.

Pode acontecer que em algum ponto do desenvolvimento do token e de seu projeto subjacente, a plataforma blockchain na qual ele foi construído não se mostre mais útil para seu desenvolvimento.

Nesse caso, os desenvolvedores do projeto podem optar por operar um “token swap”, basicamente migrando seu token para uma nova blockchain.

Atomic Swap

Em um cenário normal, sempre que você quiser trocar sua cripto, use um intermediário centralizado, como uma exchange, para fazer isso.

Do outro lado do espectro, um Atomic Swap permite uma troca direta, carteira a carteira, entre dois pares, usando um contrato inteligente especialmente criado para substituir o intermediário da troca.

DeFi e Dapps

Atualmente, existem dois tipos de sistemas financeiros. O tradicional é o sistema financeiro centralizado que é executado por intermediários como bancos, seguradoras, credores etc.

Do outro lado da mesa, temos o emergente Finanças Descentralizadas (DeFi) que é executado exclusivamente em protocolos, ferramentas e plataformas conhecidas como DApps – aplicativos descentralizados.

O objetivo do DApps é fornecer a gama completa de serviços financeiros tradicionalmente oferecidos, como financiamento, empréstimo, apostas e troca de cripto.

Por exemplo, Uniswap e PancakeSwap são DApps que oferecem uma alternativa descentralizada para trocar seus tokens.

Exchanges Descentralizadas

Exchanges Descentralizadas ou DEX (s), para resumir, são um tipo de dApps que permite que transações cripto diretas, ponto a ponto e que ocorram com segurança sem a necessidade de um intermediário para realizar a troca.

Basicamente, DEXs fornecem alternativas descentralizadas para trocar seus tokens. Uma das DEXs mais famosas que existe é o Uniswap. Desenvolvido na blockchain Ethereum, o Uniswap permite que os usuários troquem tokens nativos do Ethereum sem que eles tenham que confiar seus fundos a ninguém.

Agora estamos convencidos de que você pegou o jeito e tem uma boa ideia sobre como o swap funciona. Não é ciência de foguetes e é a melhor maneira de diversificar seu portfólio usando apenas suas criptos. Se você estiver tentado a tentar, basta acessar o Ledger Live e começar a trocar com segurança graças ao nosso parceiro, Changelly.

Texto reproduzido do site da Ledger, original aqui.

Quer manter suas criptmoedas em segurança? Use uma hardwallet.

O BitNotícias é parceiro da Ledger Wallet e temos link de compra direto do site oficial, sem intermediários.

Ledger a partir de R$ 389,00 no link abaixo.

https://shop.ledger.com?r=1bc45d5b19ba

Ledger Nano X - The secure hardware wallet

.

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos! Acesse: http://www.bitcointrade.com.br/




Source link

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar