Crypto

Parte do Bitcoin obtido durante o ataque hacker ao Twitter foram movimentados

Os Bitcoin que foram obtidos durante o ataque hacker ao Twitter, desta quarta-feira (15), começaram a ser movimentados, em uma tentativa de tornando-los irrastreáveis. Para isso, os invasores estão usando serviços de mixing para que não possam ser rastrear, de acordo com um relatório da Elliptic. 

A empresa afirmou ter conseguido identificar evidências que indicam que os hackers do Twitter enviaram parte dos Bitcoin provenientes do roubo à uma carteira Wasabi. A Wasabi, por usa vez, é um dos principais mixers de Bitcoin do mercado. Segundo a Elliptic, isso torna “difícil para investigadores policiais ou instituições financeiras rastrearem fundos na blockchain”.

Apesar de tudo, o uso desse tipo de serviços não é novidades, conforme apontam os pesquisadores. “O uso desse tipo de carteira para lavar fundos obtidos em hacks não é surpreendente”, disse Elliptic em seu relatório. “Uma das técnicas mais comuns usadas pela polícia para identificar os autores desse tipo de ataque é seguir a trilha do dinheiro até o saque”.

Assim, as autoridades podem usar seguir a trilha até uma exchange, que por sua vez devem possuir procedimentos de KYC, possibilitando assim a identificação do suspeito. Contudo, os serviços que buscam ocultar os rastros podem dificultar ainda mais esse processo. 

.

Cadastre-se agora! Eleita a melhor corretora do Brasil. Segurança, Liquidez e Agilidade. Não perca mais tempo, complete seu cadastro em 5 minutos! Acesse: http://www.bitcointrade.com.br/




Source link

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar